Conheça o Programa de Pós-Graduação em Educação

 
O Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Uberlândia - UFU, área de concentração  "Educação", organiza-se em torno das seguintes Linhas de Pesquisa
  1. Linha de Pesquisa Educação em Ciências e Matemática
  2. Linha de Pesquisa Estado, Políticas e Gestão em Educação
  3. Linha de Pesquisa História e Historiografia da Educação
  4. Linha de Pesquisa Saberes e Práticas Educativas
  5. Linha de Pesquisa Trabalho, Sociedade e Educação

 

Coordenadora do Programa (biênio 2017-2019): Profa. Dra. Elenita Pinheiro de Queiroz Silva

Secretário do Programa: Leonardo de Carvalho Bragança

Secretário AcadêmicoJames Madson Mendonça
 

E-mail: ppged@faced.ufu.br

Telefone de contato: (+55) 34 3239-4212 

Endereço postal: Av. João Naves de Ávila, 2121 - Bloco 1G, Sala 156
Universidade Federal de Uberlândia
Campus Santa Mônica
CEP 38400-902
Uberlândia/MG
  
 

     

Conheça mais

O objetivo geral do Programa é desenvolver estudos e pesquisas sobre a "Educação"  e formar profissionais habilitados para este fim. Este objetivo tem como referência o contexto histórico-político da sociedade e as condições específicas da região, requerendo cooperação permanente de outras instituições educacionais e com variadas áreas de conhecimento.

Os objetivos específicos do Programa são:

I Constituir-se em ambiente de produção e difusão do conhecimento no campo da educação;
II Formar docentes, pesquisadores e profissionais na área de Educação;
III Conferir os graus de Mestre e Doutor em Educação.
IV Desenvolver estudos e pesquisas sobre a "Educação";
V Contribuir para o desenvolvimento científico e a melhoria da qualidade da Educação na região e no Brasil. 

  • Coordenador da Linha Educação em Ciências e Matemática – Mestrado e Doutorado

Prof. Sandro Rogério Vargas Ustra

  • Coordenadora da Linha Estado, Políticas e Gestão da Educação – Mestrado e Doutorado

Prof. Marcelo Soares Pereira da Silva

  • Coordenador da Linha História e Historiografia da Educação – Mestrado e Doutorado

Prof. Décio Gatti Júnior

  • Coordenadora da Linha Saberes e Práticas Educativas – Mestrado e Doutorado

Profa. Iara Vieira Guimarães

  • Coordenador da Linha Trabalho, Sociedade e Educação – Mestrado e Doutorado

Profa. Fabiane Santana Previtali

  • Coordenadora Pedagógica Doutorado Interinstitucional DINTER/UFU/UNIFAP

Profa. Sivana Malusá 

  • Docentes do Colegiado de Curso

   Prof.   Carlos Alberto Lucena                                                                                                                                                 Profa. Elenita Pinheiro de Queiroz Silva                                                                                                                                   Profa. Iara Vieira Guimarães   Profa. Lázara Cristina da Silva   Prof.   Márcio Danelon 

  • Discente do Colegiado de Curso

          Doutoranda: Gabriela Marques de Sousa 

A Universidade Federal de Uberlândia criada, oficialmente, em 14 de agosto de 1969 pelo Decreto-lei no. 762,  tornou-se  universidade federal através da Lei no. 6.532, de 24 de maio de 1978, nasceu organizada sob o regime de centros e departamentos. No Centro de Ciências Humanas e Artes funcionavam os dois departamentos direcionados para a área da Educação: Fundamentos da Educação e Princípios e Organização da Prática Pedagógica. Em 2000, com a aprovação do novo estatuto da UFU, extinguiram-se os Centros e foi criada a estrutura de Faculdades e Institutos, sendo os dois Departamentos extintos para constituir-se a Faculdade de Educação - FACED.

Nos anos 1980, a ênfase sobre o trabalho docente na UFU recaía sobre a atividade de ensino na graduação. No decorrer dessa década, as políticas de qualificação do corpo docente propiciaram as bases necessárias para a construção da pós-graduação stricto sensu, o que ocorreu, processualmente, no decorrer dos anos 1990. Neste contexto o Programa de Pós-Graduação em Educação da UFU, criado em 1988, deu início às suas atividades regulares em março de 1990.

No período compreendido entre os anos 1990-1995, o Programa voltou-se para a formação de seus mestrandos, por meio do desenvolvimento e da acumulação de estudos e pesquisas em torno da área de concentração "Educação Brasileira”. Em 14 de dezembro de 1994, o Curso foi recomendado pela CAPES e a partir de 1995, começou a ser delineada uma proposta de reestruturação do Programa. A nova proposta levou em consideração a posição geo-econômica e geo-educacional em que se insere a Universidade Federal de Uberlândia. Situada no Portal do Cerrado, a cidade de Uberlândia-MG condensa interesses econômicos e sociais diversificados sendo que parte significativa de sua riqueza econômica reside no comércio. Pode-se, sem exagero, afirmar que é a principal economia da meso-região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, a qual perfaz 64 municípios do Estado de Minas Gerais  e de acordo com os dados do IBGE de 2010, Uberlândia tornou-se a 2ª cidade do Estado.  A  UFU compartilha dessa dinâmica econômico-social, constituindo-se uma referência estimuladora e disseminadora de criação cultural e de desenvolvimento científico e tecnológico na cidade e região.

Em 1996, a CAPES realizou a avaliação do Programa referente ao biênio 1994-1995. O resultado dessa avaliação apontou vários problemas que precisavam ser enfrentados buscando uma melhor qualidade. Dentre os principais aspectos, esteve em destaque a estrutura curricular. Ainda em 1996, esforços foram empreendidos no sentido de superar os problemas apontados pela CAPES na avaliação do Programa referente ao biênio 1994-1995: em relação à estrutura curricular desenvolveram-se estudos e discussões com a finalidade de sanar as lacunas identificadas e adequar a estrutura curricular do Programa às novas exigências e necessidades apresentadas pelas políticas nacionais de pós-graduação na área da Educação.  Assim, a partir de  1997, o Programa explicitou melhor sua identidade quanto aos seus objetivos, a sua organização curricular, às suas linhas de pesquisa e núcleos, bem como outros detalhamentos relativos ao funcionamento do Programa. Quanto ao currículo, o Programa passou a ser estruturado em torno de uma área temática denominada “Educação Escolar”, contando com linhas de pesquisa, disciplinas obrigatórias, disciplinas eletivas, atividades programadas e orientação.

Especificamente, o Programa passou a oferecer duas Linhas de Pesquisa: História e Historiografia da Educação vinculada ao desenvolvimento de pesquisas que visavam à produção de novos conhecimentos no âmbito da História da Educação. Com essa perspectiva abrangia investigações históricas sobre os fenômenos educativos escolares e não escolares, respeitadas as diferentes possibilidades teórico-metodológicas.

A segunda linha de pesquisa denominada por Saberes e Práticas Escolares visava à produção de novos conhecimentos na área que lhe dá o nome, particularmente nos campos do Currículo e das diversas dimensões do Processo de Ensino e Aprendizagem. Estes dois campos constituíam, portanto, os núcleos dessa linha de pesquisa.

Neste percurso evolutivo e enriquecedor, o Programa cresceu em termos quantitativos e qualitativos e ampliou o debate sobre sua própria experiência e a construção de sua identidade. Assim, o Currículo e o Regulamento, implantados em 1997, foram objetos de análise e de discussão, sobretudo no decorrer do ano de 2001. Tal reformulação ocorreu no interior do processo de elaboração do Regimento Geral da Pós-Graduação da UFU, aprovado em 22 de janeiro de 2003. Vale ressaltar que todos os Programas da Universidade vivenciaram esse processo de reformulação, com o objetivo de adequação de seus regulamentos internos às novas normas gerais da Instituição. A partir de então, foram aprovados em 2003, pelo Conselho de Pesquisa e Pós Graduação (CONPEP), a nova organização curricular e o novo regulamento do Programa de Pós-Graduação em Educação,  em conformidade com as novas normas gerais da pós-graduação desta Universidade, como descrito a seguir.

Ao completar dez anos de credenciamento pela CAPES, no ano 2004, o Programa de Pós-Graduação em Educação da UFU, não somente demonstrava ter superado a inserção estritamente regional do início dos anos 1990. Este novo potencial também é observado na produção científica, pois esta apresentava expressivo crescimento e cada vez mais se configurava como relevante para a área da educação. A somatória destes dois elementos viabilizou a inserção nacional e internacional do Programa, compatível com os parâmetros exigidos pelos órgãos reguladores e fomentadores da pós-graduação brasileira.

Esses fatores potencializaram e contribuíram para a construção do Projeto do Doutorado em Educação. Em 2004 foi apresentado o Projeto relativo a Implantação do Doutorado em Educação na UFU, tendo sido aprovado pelo Conselho Universitário da Universidade Federal de Uberlândia em 2005, autorizado e recomendado pela CAPES. A primeira turma do Curso de Doutorado em Educação iniciou suas atividades em março de 2006.

Em relação à estrutura curricular implantada em 2003 e em vigor até o ano 2010, conforme indicado no Relatório do Ano Base 2004, a Área Temática do Programa era "Educação Escolar". A partir da Resolução nº 08/2011 do CONPEP, aprovada em 29/06/2011, que alterou a de nº05/2008 a área de concentração do Programa passou ser "Educação", está dividida em cinco linhas de Pesquisa assim denominadas: I - História e Historiografia da Educação, II - Saberes e Práticas Educativas, III - Estado, Políticas e Gestão em Educação, IV - Trabalho, Sociedade e Educação e V - Educação em Ciências e Matemática.